Para quebrar os padrões de família tradicional brasileira, Lee Polyakov e o namorado decidiram concorrer a um concurso para serem capa do catálogo do IKEA da Rússia. O casal rapidamente subiu ao primeiro lugar das votações, com 7525 votos, uma larga diferença em relação ao segundo lugar, que tinha 834 votos.

Entretanto, o casal acabou por desistir do concurso. O IKEA anunciou que a foto foi retirada do concurso “a pedido dos participantes”. O motivo real? Homofobia. A homossexualidade é considerada crime na Rússia desde 1993. Desde 2013 é proibido por lei qualquer promoção de um “conceito distorcido” entre casais. Os que não cumprirem podem pagar multas que começam nos 100 euros ou serem mesmo sujeitos a penas de prisão.

Ai, que triste!

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO