O governo federal liberou R$ 5 milhões para 26 projetos em HIV/Aids de 25 entidades. Algumas são LGBT e duas de prostitutas. A autorização do repasse veio de reunião do Ministério da Saúde, já sob gestão de Michel Temer, com a Unaids, braço da ONU que cuida de questões relacionadas ao HIV.

As organizações venceram editais de seleção de projetos. Dentre as entidades LGBT estão o Transgrupo Marcela Prado e Grupo de Resistência Asa Branca .

Rafaela Felicciano/Metrópoles

DEIXE SEU COMENTÁRIO