O novo filme do Tarzan, que estreia no dia 21, teve uma cena de beijo entre o protagonista, vivido por Alexander Skarsgård, e o vilão da trama, Leon Rom, interpretado pelo vencedor do Oscar Cristoph Waltz. A decisão foi tomada por parte do diretor, que resolveu excluir a cena da produção final, afirma o jornal britânico ‘The Guardian’.

Segundo o diretor, o beijo aconteceria em um momento que Tarzan está desacordado, e Rom o beija, atraído pela sua aparência selvagem. “Nós reanalisamos a cena, e vimos que ela era exagerada. Era um momento estranho, realmente estranho, em que Christoph beija Tarzan. Nós adoramos ela na hora que fizemos. Mas o público dos primeiros testes ficou perplexo. No final, sentimos que a cena era inteligente mas sobrecarregava o filme”, explicou Yates.

rs_534x712-151209064413-alexander-skasgard-tarzan

DEIXE SEU COMENTÁRIO