boeing-767-300-da-qantas-decola-no-aeroporto-de-sydney-na-australia-1307112573229_956x500Um homem trans foi obrigado, pela segurança de um aeroporto da Austrália, a remover e mostrar sua prótese peniana ao passar por uma revista. Segundo o “Daily Mail“, a atitude fez com que o passageiro se sentisse constrangido e humilhado.

A revista ocorreu porque o detector de metal sinalizou algum objeto irregular. Foi então que o transgênero explicou do que se tratava e, mesmo assim, foi chamado um supervisor para avaliar o caso.

Em seguida, foi levado para uma sala privada, com dois agentes e assinou um formulário antes da pesquisa. O segurança solicitou que ele retirasse a prótese, um membro da equipe vestiu uma luva e tocou no objeto.

Após o episódio, o passageiro encaminhou uma queixa a um inquérito para o aeroporto e a segurança da aviação. O relatório final da investigação será entregue em maio. Uma instituição de representação da comunidade LGBT da Austrália entrou com um pedido de reforço no treinamento de segurança dos aeroportos, já que este não foi o primeiro caso registrado.

DEIXE SEU COMENTÁRIO