12233461_1011649262191085_860973720_nPor: Danielle Lopes

O verão está ai e o protetor solar tem que se tornar nosso primeiro aliado no dia a dia, principalmente quando temos alguma tatuagem. Afinal, não queremos que as imagens desbotem, não é mesmo?

O ideal é que as gravações na pele não sejam feitas no verão, pois costuma-se ficar mais tempo em exposição ao sol e os banhos de mar ou de piscina ficam mais frequentes.

Segundo o tatuador Kreyner, a tatuagem é como uma “ferida” aberta e a praia possui muitas impurezas. “O contato com a água do mar e piscina pode causar muitos problemas e prejudicar a cicatrização, podendo até danificar o trabalho”. Por isso, se pretende exibir o seu corpo desenhado por aí, nada melhor e mais seguro do que deixar para tatuar com pelo menos um mês antes do solzão chegar.

VEJA+: Confira a Revista Mais JR

Mas se ansiedade for grande e não conseguir esperar o verão passar, mantenha a calma, porque para tudo tem um jeito, e siga as dicas abaixo para arrasar com suas tattos na praia.

mib_03_preview_08Ainda segundo Kreyner, “para cuidar da tatuagem nesta estação, é importante passar protetor solar a partir do fator 50, mas, se você tem uma nova, é melhor nem ir à praia até que ela tenha cicatrizado totalmente, o que leva de uns 15 a 30 dias”. Ele ainda alerta, que “as tatuagens coloridas, principalmente as que possuírem azul e branca, ao entrar em contato com o sol, tendem a mudar. O azul fica com um tom esverdeado e o branco amarelado”.

Outro cuidado importante é com a hidratação da tattoo. O profissional Leonardo Bernadido explica que “com a proximidade do verão, a tatuagem precisa ter uma cicatrização bem hidratada”. Segundo ele, o ideal é usar creme cicatrizante, lavar frequentemente a área com sabonete e lembrar de fazer isso sempre com as mãos limpas.

E lembre-se beba muita água e se alimente de forma saudável, assim sua tatuagem cicatrizará rápido.

DEIXE SEU COMENTÁRIO