giphyO site Elástica montou uma lista com as principais expressões usadas por drag queens. Será que você conseguiria entender uma conversa com as gírias ou ficaria totalmente perdido?

Vamos ao dicionário:

All T, All Shade: toda a verdade, todo o veneno. Você está falando algo que é verdade, mesmo sendo venenosa. Há variações, como No T, All Shade (nenhuma verdade, só veneno) e No T, No Shade (dizer algo que não é verdade nem veneno).

Amapô: mulher.

Charisma, Uniqueness, Nerve, and Talent: para RuPaul, são as quatro características essenciais que compõem a drag queen perfeita.

Chuchu: barba (quando a maquiagem não cobre bem e deixa sombra).

Cis: quando a drag usa uma peruca ou roupa que fica bem feminina (Ex.: “Nossa, você tá bem cis!”)

Close: uma coisa boa (Ex.: “Nossa, essa maquiagem tá linda! Ficou close!”).

Drag: acrônimo para “Dressed Resembling A Girl” – vestir-se semelhante a uma garota. O termo é comumente associado à época Shakesperiana, quando atores homens interpretavam papéis femininos.

Espacate: movimento de abertura de pernas em um ângulo de 180º, paralelo ao solo.

giphysdFierce: termo usado comumente por queens norte-americanas para definir uma qualidade intensa; poderosa.

Fishy: drag muito feminina.

Kai kai: pegação entre drags, também chamada de quebração de louça.

Lip-sync: ao final de cada episódio de RuPaul’s Drag Race, duas participantes devem “lip-sync for their lives”, ou seja, dublar uma música para não serem eliminadas da competição.

Montação: ato de se montar como drag queen – maquiagem, cabelo e roupas. As veteranas falam ‘montaria’, mas usar o termo ‘montagem’ é errado.

Neca: pênis.

Ocó: homem (mais comum entre drags mais velhas).

Picu: peruca.

Rata: drag esperta, ligeira.

giphyReading: quando você comenta sobre um ponto fraco de outra drag, que geralmente é uma característica que ela não pode mudar.

Sashay Away: expressão dita por RuPaul ao eliminar uma candidata de RuPaul’s Drag Race
Shantay, You Stay: frase que RuPaul diz à candidata salva da eliminação.

Tajean: “coitadinha” (gíria que deriva do nome da drag brasileira Penelopy Jean).

Tuck/Untuck: aquendar/desaquendar, que é o ato de prender pênis e testículos para trás, a fim de evitar volume na roupa.

Viado Who?: drags que não são conhecidas ou são pouco importantes para aquele grupo.

E aí, conheciam todas? Faltou alguma? Deixa nos comentários.

DEIXE SEU COMENTÁRIO