Após trailer do filme Zoolander 2 ser divulgado na última semana, ativistas LGBT se revoltaram acusando o filme por transfobia.

Os ativistas afirmam que o filme retrata de forma cartunesca o personagem andrógino interpretado por Benedict Cumberbatch, modelo All. E lançaram uma campanha pelo boicote ao longa de Ben Stiller.

IIAIWNbNo trailer citado citado, All é perguntado por Hansel (Owen Wilson) se ele tem “a salsicha ou o pão do hot dog”. O que fez com que os militantes também criassem uma petição online contra o longa, prevista para 11 de fevereiro, e que já conta com mais de 9.000 assinaturas.

“O personagem de Cumberbatch claramente retrata de forma exagerada e cartunesca indivíduo andrógino, trans, não-binário. Isso é o equivalente a pintar o rosto de preto para representar uma minoria”, diz Sarah Rose, perfil da internet que criou o abaixo-assinado. Ela ainda afirmou que, caso os produtores e roteiristas quisessem ter feito um comentário social sobre trans e andróginos na moda, eles poderiam ter chamado a modelo australiana Andreja Pejic, que se descreve como “entre gêneros”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO